Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

« Agosto 2017 »
Agosto
SeTeQuQuSeSaDo
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031

diarioOficial (1).jpg

facebook-icon.png    twitter-icon.png

YouTube_Play.png    flickr.png

 
» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias 2017 Agosto Seades conhece programa que pode contribuir a segurança alimentar e nutricional no Estado
08/08/2017 - 16h02m

Seades conhece programa que pode contribuir a segurança alimentar e nutricional no Estado

Cozinha Brasil é uma iniciativa do Sesi que ensina a preparar alimentos de forma inteligente sem desperdício

Seades conhece programa que pode contribuir a segurança alimentar e nutricional no Estado

Objetivo do encontro foi aproximar ainda mais o Estado de práticas que contribuam para uma melhor qualidade, economia e sabor dos alimentos ofertados pela secretaria (Foto: Renata Bello)

Texto de Renata Bello

Fornecer alimentos nutritivos à população em situação e vulnerabilidade social e produzi-los de forma inteligente. É com essas premissas que a Secretaria de Estado de Assistência e Desenvolvimento Social (Seades) vem servindo cerca de 1.250 refeições diariamente no Restaurante Popular localizado no bairro do Benedito Bentes, em Maceió e planeja ampliar a oferta para outros bairros da capital e municípios do interior.

Para reforçar o compromisso com a segurança alimentar e nutricional, o secretário Fernando Pereira, conheceu, nesta terça-feira (8) o programa Cozinha Brasil, uma iniciativa do Serviço Social da Industria (Sesi). O objetivo do encontro foi aproximar ainda mais o Estado de práticas que contribuam para uma melhor qualidade, economia e sabor dos alimentos ofertados pela secretaria.

“Estamos sempre em busca de ampliar nosso cardápio nos restaurantes populares que já existem e, futuramente, introduzir alimentos de alto valor nutricional nos seis novos restaurantes que estão sendo planejados pelo Governo de Alagoas e devem ser construídos até 2018”, disse o gestor da Seades, Fernando Pereira.

O programa Cozinha Brasil promove ações de educação alimentar para elevar o nível de saúde e qualidade de vida da população por meio da orientação para a produção de alto valor nutricional e baixo custo, orientando e incentivando a adoção de hábitos alimentares saudáveis e reduzindo o desperdício.

“Além de oferecer um produto de qualidade, também queremos que a população aprenda a montar uma refeição saudável e nutritiva aproveitando alimentos que já possuem” completou o secretário.

A nutricionista do Sesi, Brenda Lima, explica que durante os cursos ofertados pelo Cozinha Brasil envolvem teoria e prática para ensinar aos participantes a desenvolver receitas saborosas e a utilizar todas as partes dos alimentos.

“O principal foco dos cursos é contribuir para um processo educativo permanente, voltado a mudanças de hábitos nutricionais. Os participantes aprendem ensinamentos importantes em relação à produção, aquisição, preparo e consumo dos alimentos, o que contribui para uma cultura de sustentabilidade”, explicou a nutricionista.

As oficinas têm duração de quatro ou dez horas. Na modalidade dez horas, o tema é Alimentação Saudável com Ênfase no Aproveitamento Integral dos Alimentos. Na modalidade quatro horas estão disponíveis três temas: Alimentação Saudável com Ênfase no Aproveitamento Integral de Alimentos, Obesidade e Hipertensão.

Além dos cursos, o Cozinha Brasil também oferece avaliação e orientação nutricional e ações educativas, como higienização das mãos e alimentos, conservação de alimentos, orientações sobre diabetes, obesidade e saúde do coração.

 

 

Ações do documento