Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

« Outubro 2018 »
Outubro
SeTeQuQuSeSaDo
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031

diarioOficial (1).jpg

facebook-icon.png    twitter-icon.png

YouTube_Play.png    flickr.png

 
» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias 2018 Fevereiro Governo entrega 4 mil cestas nutricionais a gestantes nesta quinta-feira (1º)
28/02/2018 - 09h53m

Governo entrega 4 mil cestas nutricionais a gestantes nesta quinta-feira (1º)

Solenidade ocorre no Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso, a partir de 9h, com a presença do governador Renan Filho

Governo entrega 4 mil cestas nutricionais a gestantes nesta quinta-feira (1º)

Cestas são compostas por 14 itens fundamentais para combater a desnutrição de gestantes e recém-nascidos; governo já entregou cerca de 60 mil cestas nos 102 municípios alagoanos

Texto de Renata Bello

O governador Renan Filho participa nesta quinta-feira (1º) da entrega de cerca de 4 mil cestas nutricionais do Programa Estadual de Complementação Alimentar e Nutricional destinadas a duas mil gestantes e nutrizes da capital alagoana, com cada uma  delas tendo direito a receber duas cestas. A solenidade acontece a partir das 9h, no Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso, no bairro de Jaraguá.

A ação faz parte das políticas públicas em prol da população em situação de vulnerabilidade social que avançam em todo Estado, coordenada pela Secretaria de Estado da Assistência e Desenvolvimento Social (Seades).

De acordo com levantamento feito pela Superintendência de Segurança Alimentar e Nutricional,  até o momento 60 mil cestas já foram entregues nos 102 municípios alagoanos. O objetivo é que esse número aumente, para isso, a secretaria trabalha para orientando os municípios na realização de buscas ativas para identificar mulheres com perfil para o programa.

Na ocasião, as beneficiárias levarão para casa as cestas referentes aos meses de janeiro e fevereiro. Além disso, elas terão à disposição diversos serviços, como aferição de pressão cardíaca, testes rápidos de saúde, consultas médicas e encaminhamentos para pré-natal e oficina de confecção de brinquedos lúdicos com as multiplicadoras do Programa Criança Feliz.

Para ser atendida pelo programa, a gestante ou nutriz de até 6 meses inserida no CadÚnico deve procurar a unidade de saúde na qual é referenciada e receber o encaminhamento para realizar o cadastro em um dos Centros de Referência de Assistência Social (Cras).

As cestas são certificadas pelo Inmetro e compostas por 14 itens fundamentais para combater a desnutrição de gestantes e recém-nascidos. Entre os itens estão aveia, proteína, cálcio e ferro. O recurso para aquisição é proveniente do Fundo Estadual de Combate e Erradicação da Pobreza (Fecoep), que vem investindo para garantir segurança nutricional às gestantes.

Ações do documento